Num ano de síntese, os conteúdos programáticos procuram validar novas matérias e consolidar
anteriores, num percurso em que o questionar permanente deve, antes de tudo, solidificar o valor
do conhecimento.
Descodificações do saber em que o futuro arquitecto deve tomar consciência que faz parte de
um processo, onde é essencial o rigor intelectual e a necessidade de considerar todas as áreas
que gravitam à volta do Projecto.